-------- Pesquisar Neste Blog --------

terça-feira, 12 de junho de 2018

Poema: Confessionário/ Samuel Tenório



Amo-te como as ondas do mar
Com temperatura, cheiro, cor;
Força, ódio, silêncio e amor;
Antes de tudo isso é invariável
Você gosta do doce, eu do sal
De milhões de diferenças e semelhanças
O nosso amor é imortal.

A força odiada e o desejo insaciável
Chove carinho, choro ameno, cheiro inacreditável
Há séculos vindouro juro que ti amo
A mim resta a dor agradável
Se hoje ou amanhã pato para o céu
Dantes o mar sempre é alegre
Lembrei infinitamente você vestida de véu

Com você tudo tem mais sentido
Liberdade tem mais números eternos,
Os sonhos tem mais realidade,
A tristeza tem mais felicidade,
O amor tem desejo de ser vivido.

Quem sabe se tudo valeu, sou eu e você?
Quem sabe se tudo foi incrível, sou eu e você?
Quem sabe se tudo o que temos de segredos, sou eu e você?
Quem sabe se tudo é para sempre, sou eu e você?
Quem sabe se tudo e o quanto nos amamos, sou eu e você?

Escritor Samuel Tenório
15 de julho de 2016




Comprando nos links abaixo você ajuda na manutenção do Blog Margem Literária. 



Amazon Brasil: https://amzn.to/2GOhuff

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Como Escrever um Livro e Publicar na Amazon Gratuitamente?

Quero escrever um livro! Escrever um livro é um sonho para muitos, todavia, poucos se destinam a realizá-lo. Eu quero escrever ...